Blog

Conteúdo sobre gente e gestão

Machine Learning no RH: o que é e como aplicar esta tecnologia?
Publicado 27.07.2023 em Tecnologia

Machine Learning no RH: o que é e como aplicar esta tecnologia?

Machine Learning no RH é o caminho para que o time deixe de trabalhar a partir de achismos. Isso porque essa tecnologia traz a possibilidade de entender comportamentos, prever situações e tomar decisões fundamentadas em dados reais.

Uma situação muito recorrente é descobrir que um colaborador está insatisfeito por meio de conversas de corredor. No novo cenário, o RH pode descobrir essa informação com os padrões indicados pela tecnologia. Atrasos, faltas e baixas de rendimento, por exemplo. Logo, é possível agir para “recuperar” esse funcionário e entender o que ele precisa para voltar a ter uma excelente entrega.

É a maneira mais certeira de manter maior controle sobre as funções do departamento pessoal e não agir somente depois de acontecer o problema. Parece interessante para o seu negócio?

Então, confira o conteúdo abaixo e entenda todos os detalhes dessa inovação. Boa leitura!

O que é Machine Learning no RH?

Não é de agora que conceitos tecnológicos se tornaram parte do dia a dia do setor de Recursos Humanos. Já vimos aqui no blog como a Inteligência Artificial é uma aliada e, até, como utilizar o Chat GPT. Hoje, o nosso foco é um pouco diferente.

Para introduzirmos esse tema, vale começar com seu conceito. Machine Learning significa, na prática, aprendizado de máquina. Basicamente, trata-se da identificação e análise de padrões, realizadas por um computador, para responder perguntas. Tudo isso, por meio de uma análise intensa dos dados.

De modo mais claro, acompanhe este exemplo que serve para qualquer área. Caso você assista a 2 filmes de ação em um streaming, a plataforma começa a sugerir outras opções do mesmo gênero logo em seguida. Isso acontece porque, a partir do seu padrão de escolhas, ela entendeu que aquele era um estilo que você gostava. Dessa maneira, tem mais propensão a continuar vendo.

Outra situação que faz parte do nosso dia a dia são os algoritmos das redes sociais. Eles mostram conteúdos parecidos com os que o usuário já mostrou interesse, por meio de uma análise do comportamento dele. Interessante, não é mesmo?

O Machine Learning no RH funciona da mesma maneira. Imagine que você está no meio de um processo de recrutamento e acaba separando alguns currículos que são mais adequados ao que procura. A tecnologia entenderá quais requisitos existem em comum naqueles selecionados e quais estão nos que foram deixados de lado. Assim, automaticamente, oferece outros candidatos parecidos com o que é esperado por você.

É uma forma de deixar as atividades mais ágeis e assertivas. Além, é claro, de abrir espaço para que o profissional foque no que realmente precisa de um ser humano por trás.

Qual a diferença entre Machine Learning e Inteligência Artificial?

Conceitos como o Machine Learning no RH são indispensáveis para os resultados e para o futuro do setor. Contudo, diante da quantidade de inovações que surgem, algumas pessoas podem ficar confusas com a diferença entre elas.

Por isso, vamos explicar em mais detalhes as distinções entre Machine Learning e Inteligência Artificial. Basicamente, a primeira é uma subcategoria da segunda. 

Inteligência Artificial faz parte de uma ideia mais ampla em que uma máquina cria funções que replicam o comportamento humano. Novamente, o Chat GPT é uma ótima forma de ilustrar esse conceito. É possível imitar fala, escrita, visão, análise de informações e, até, geração de insights ou recomendações.

Como trata-se de uma série de tecnologias diferentes, o Machine Learning é uma das aplicações da Inteligência Artificial. Neste universo, ele é o responsável por aprender com base na experiência e tomar decisões a partir disso.

Conheça os 3 principais exemplos de machine learning no RH

Já mostramos anteriormente como o Machine Learning no RH pode ser extremamente útil no processo de recrutamento. Agora, traremos outros exemplos para que você entenda em que momento faz mais sentido a aplicação dessa tecnologia na sua empresa. Veja abaixo!

Turnover

Se tem um problema que pode impactar diretamente nos resultados de um negócio é uma taxa alta de turnover. Afinal, sem conseguir reter os funcionários, fica difícil formar uma equipe alinhada e competente.

Com a ajuda do machine learning no RH, é possível identificar os padrões que geram essa alta saída e tentar minimizá-los. Inclusive, pode-se fazer até mesmo por setor, pois, dependendo do segmento, os motivos e os números são bem diferentes.

Vamos supor que a maioria das razões apresentadas para a troca de emprego seja uma proposta salarial melhor. Com essa informação, o RH pode entender se as promoções estão fazendo sentido para os colaboradores ou se a remuneração está compatível com o mercado. Logo, fica mais fácil encontrar soluções em que o funcionário se sinta valorizado e entregue um trabalho de acordo com o que recebe por mês.

Desenvolvimento da equipe

Um dos desafios dos gestores e do departamento pessoal é entender em que área cada membro do time precisa se desenvolver para evoluir o trabalho. E, consequentemente, aumentar a qualidade da entrega ao cliente final.

Muitas vezes, o gestor tem uma percepção e o colaborador outra. Assim, essa falta de concordância faz com que o tempo seja perdido em atividades que nem sempre fazem sentido.

Agora, com aplicação de testes inteligentes, baseados no aprendizado do Machine Learning no RH, a situação é outra. Será possível entender os pontos mais carentes dentro das habilidades necessárias e direcionar os aprendizados. Isso, claro, ao considerar tanto os objetivos da empresa como os do funcionário.

Sem falar que essa prática abre espaço para criação de planos de carreira específicos. Neste contexto, o profissional sabe o que precisa fazer para crescer na empresa e a tendência é que aumente a retenção de pessoas.

People Analytics

Mesmo trabalhando com diferentes inovações, um tópico que nunca pode ficar para escanteio são as pessoas. Não é à toa que o termo People Analytics está cada vez mais popularizado no segmento.

Em resumo, trata-se de uma análise de dados de cada colaborador que, a partir dos seus comportamentos, traz insights poderosos. Pode-se avaliar engajamento, satisfação com o trabalho, produtividade, organização e outros semelhantes.

Seu objetivo é antecipar tendências para evitar aquelas que geraram conflito na empresa e usufruir ao máximo do que causará benefícios. Imagine, por exemplo, que uma pessoa que trabalha na fábrica vem perdendo cada vez mais a produtividade. Além disso, começou a chegar atrasada e teve algumas faltas.

O Machine Learning no RH mostrará esses padrões e os profissionais do setor precisarão agir. Talvez o funcionário esteja com problemas de saúde ou em casa. Ou somente insatisfeito. Por isso, é preciso avaliar de perto e entender quais atitudes devem ser tomadas.

No mais, aqui também vale conferir temas como a visão da equipe sobre a cultura organizacional e como está a sua adesão. Assim, novas estratégias podem ser desenvolvidas para reforçar os valores ou, ainda, alterar o que já não está mais adequado.

Agora, para dar o próximo passo, que tal entender como diminuir custos do RH com a tecnologia? Leia o conteúdo do nosso blog e descubra!

Compartilhe nas redes


Leia mais

Era digital
Publicado 13.05.2016 em Tecnologia

Era digital, toda informação em apenas um clique!

A Era da Informação ou era digital são termos frequentemente utilizados para designar os avanços tecnológicos advindos da Terceira Revolução Industrial e que reverberaram na difusão de um ciberespaço, um meio de comunicação instrumentalizado pela informática e pela internet.

Saiba mais sobre a CERTPONTO e como ela impacta no seu negócio!

Quando se trata de gestão do ponto e de tempo, cada negócio possui características e necessidades únicas! É por isso que a plataforma possui módulos, para que a escolha seja para o que realmente fará diferença para cada negócio.

Entrar em contato